Sobre nós

AS ASSEMBLEIAS DE DEUS NO MUNDO

As Assembleias de Deus nasceram com o despertar do meio evangélico para a atualidade da experiência Pentecostal na viragem do século XIX para o século XX. O Movimento pentecostal moderno, que se consolidou no decorrer do século passado, procurou e vivenciou desde essa altura a presença e ação do Espírito Santo, conforme a Bíblia refere, de forma mais ampla no livro de Atos dos Apóstolos.

As Assembleias de Deus são o maior movimento pentecostal no mundo, com mais de 67 milhões de membros. A World Assemblies of God Fellowship (Comunhão Mundial das Assembleias de Deus) congrega cerca de 150 movimentos nacionais associados, entre eles a Convenção das Assembleias de Deus em Portugal (CADP).

 

AS ASSEMBLEIAS DE DEUS EM PORTUGAL

Com mais de 100 anos de História, as Assembleias de Deus em Portugal têm hoje mais de 400 pontos de pregação, onde mais de 25 000 crianças, jovens e adultos congregam, influenciando direta e indiretamente mais de 100 000 pessoas.

Servem as nossas igrejas mais de 150 pastores e obreiros, 50 evangelistas, 150 presbíteros e 220 diáconos e diaconisas, além de cerca de 60 missionários a servir em Portugal e no estrangeiro.

Um movimento com História que, pelo poder e graça de Deus, se deseja renovar, contextualizando as suas estratégias locais e nacionais, desenvolvendo ministérios frutíferos, e fomentando a cooperação de obreiros e igrejas. Acima de tudo, levando a mensagem do Evangelho completo, no poder de Deus, para que mais homens, mulheres, crianças e jovens descubram a vida de esperança, liberdade, cura e salvação que só Cristo pode dar. Conheça melhor a nossa História aqui.

Alguns factos acerca das Assembleias de Deus em Portugal, assim como áreas de ação*:

 

  • Ação social

Dentro do movimento das Assembleias de Deus a preocupação pelo outro sempre esteve presente. Temos em funcionamento o Lar de Betânia, que apoia socialmente várias crianças, adolescentes e jovens, desde a alimentação à educação. Há vários anos que funciona o Fundo de Obreiros das Assembleias de Deus, visando apoiar os pastores que após a sua reforma necessitam de ajuda complementar. A chamada “beneficência”, auxiliou e auxilia os mais carenciados das nossas comunidades locais. Existem cerca de 10 IPSS, 40 parcerias sociais, 10 lares e centros de dia para idosos, 17 cafés-convívio e pontos de contacto, 2 casas de reinserção para ex-toxicodependentes, 20 lojas sociais, 10 centros de retiros, 2 lares para crianças, 3 infantários e ATL’s, 1 cantina social, 20 estabelecimentos prisionais acompanhados por equipas das igrejas, entre outros projetos pontuais.

 

  • Formação Teológica

Desde a sua génese que as Assembleias de Deus têm investido no ensino da Palavra de Deus, reconhecendo a necessidade de ministrar a sã doutrina aos seus membros, numa conjuntura em que seitas e heresias se têm vindo a multiplicar. Além das reuniões de ensino bíblico semanal, realizam-se escolas bíblicas anuais, onde todos os crentes aprendem a conhecer mais e com maior profundidade a Palavra de Deus. Em 1966 foi criado o Instituto Bíblico Nacional, em Lisboa, que visava a preparação de obreiros para servirem as igrejas e atenderem às necessidades de evangelização. Hoje, para dar resposta a esta e outras necessidades, temos o MEIBAD (Monte Esperança Instituto Bíblico da Convenção das Assembleia de Deus em Portugal), em Fanhões, Loures. O MEIBAD tem cursos presenciais de um ano ou três anos, além de outras opções de formação em regime presencial e por extensão.

 

  • Informação

A página impressa foi utilizada desde sempre pelo movimento, promovendo a evangelização, divulgando o ensino e estabelecendo o relacionamento de unidade entre as igrejas e os pastores. A revista Novas de Alegria (edição ininterrupta desde janeiro de 1943) é o órgão oficial da Convenção das Assembleias de Deus. Ao longo dos anos foram surgindo diversos periódicos com alvos específicos, continuando hoje a sua edição as revistas Novas de Alegria, Boa Semente e BSteen. Veja aqui um resumo das publicações mensais. A Casa Publicadora nasce no ano de 1943 começando a publicação de alguns livros e folhetos, dando origem mais tarde à marca Edições NA, que edita todos os anos o calendário “Maná do Céu”, o hinário Cânticos de Alegria e lança alguns livros de autores nacionais. A CAPU|CPAD Livraria Cristã tem a sua loja on-line, para além da loja física em Lisboa. É a maior livraria evangélica em Portugal. A rádio é outro meio de comunicação que, no passado como no presente, tem dado ou seus frutos – são mais de uma dezena os programas transmitidos atualmente em rádios locais. As novas tecnologias e as redes sociais são usadas para divulgação quer das igrejas locais e suas atividades (mais de 45 igrejas locais e missões estão presentes na internet), quer da própria Convenção e seus departamentos.

 

  • Crianças

As crianças não são o futuro da Igreja. Elas são o presente e um presente que Deus nos dá para cuidar, evangelizar, ensinar e preparar para o serviço. As classes de Escola Dominical para todas as faixas etárias são basilares para o ensino sistemático da Palavra de Deus, desde as idades mais tenras. Ao longo do tempo foram surgindo homens e mulheres com paixão pela transmissão das verdades bíblicas aos mais novos, de forma contextualizada. Os seminários para professores de Escola Dominical, têm vindo a ajudar os professores a acompanhar as mudanças sociais e didáticas – culminado na criação de um curso para Professores de Escola Dominical em 2011, no MEIBAD. Hoje existem cerca de 290 escolas dominicais, de ensino moral e religioso, com cerca de 950 professores das várias faixas etárias, com ênfase nas crianças. Atualmente, através das igrejas locais e missões, as Assembleias de Deus em Portugal alcançam cerca de 2900 crianças (até aos 10 anos, inclusive).

 

  • Jovens

Os jovens têm um papel a desempenhar, hoje como no passado, cheios do poder de Deus, movidos pela compaixão, comprometidos com Cristo e a Sua igreja. Nos anos 60, a juventude ganha, no nosso movimento, uma expressão concreta através dos Congressos Juvenis, da revista Caminho, e dos retiros no Campo Bíblico. Desde 2009 existe o AD.J Departamento Juvenil da CADP, que coordena todo o trabalho juvenil nacional, promovendo tempos de formação em liderança juvenil, os retiros Campo Bíblico, no Verão e por altura do Carnaval, e o Encontro Nacional de Juventude (ENJUV), que se realiza de 3 em 3 anos. Hoje praticamente todas as igrejas locais têm os seus retiros de jovens e reuniões específicas para jovens e adolescentes. Através das igrejas locais e missões, as Assembleias de Deus em Portugal alcançam cerca de 3600 adolescentes e jovens (11-25 anos).

 

  • Mulheres

Nas Assembleias de Deus em Portugal, Deus tem usado mulheres de forma poderosa e com impacto, quer no seu círculo social, quer a nível mais abrangente. Pelo seu testemunho, colegas de trabalho foram ganhas para Cristo. Como mães e professoras de Escola Dominical, ensinaram e ensinam as novas gerações a conhecer Deus e a ter uma amizade com Ele. Nas igrejas locais, as mulheres são a força dos cultos de oração, na educação de filhos e netos. Nas últimas décadas, o movimento tem dedicado às senhoras eventos específicos, estimulando a união, confraternização e intercessão. Local e regionalmente têm existido diversas dinâmicas como reuniões, convívios, jantares, etc. Existem cerca de 13 000 mulheres a congregar nas nossas igrejas e missões. Saiba mais acerca do Departamento Nacional de Mulheres aqui.

 

  • Evangelização e Missões

Para alcançar outros para Cristo, Deus tem usado ao longo dos anos o vigor evangelístico pentecostal, quer para testemunhar acerca da salvação, quer para pregar a mensagem evangelística, tendo como resultado vidas que decidem seguir Cristo, libertação de pessoas oprimidas e a cura de muitos doentes, pela operação de Deus. A Assembleia de Deus em Portugal foi também, desde cedo, um movimento missionário. “Poucos podem ir, muitos podem contribuir e todos podem orar” foi e é o mote que levou as igrejas locais, passo a passo, a desenvolver projetos missionários, quer em Portugal quer fora de portas, principalmente junto das comunidades de língua portuguesa. A nível nacional temos para coordenar estas áreas o Departamento Nacional de Missões. Hoje as nossas igrejas apoiam cerca de 35 missionários em Portugal, que alcançam cerca de 60 localidades, e 25 missionários no estrangeiro, em 15 países. Existem também 50 evangelistas nas nossas igrejas.

* Dados indicativos, referentes a 2013

Foto: Conferência Nacional CADP, Gondomar, junho 2015